Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
Ricardo Rangel

Se Doria mostrou grandeza, o PSDB se arrisca a mostrar pequenez

Depois de forçar a renúncia do vencedor das prévias para apoiar Simone Tebet, o PSDB considera negar apoio a ela e lançar outro tucano à presidência

Por Ricardo Rangel Atualizado em 25 Maio 2022, 18h53 - Publicado em 25 Maio 2022, 18h48

João Doria mostrou grandeza em renunciar, mas seu partido corre o risco de mostrar pequenez. Uma ala do PSDB defende que o partido deve lançar candidato próprio.

Seria lamentável.

Primeiro, porque o motivo pelo qual o vencedor das prévias, João Doria, foi forçado a renunciar é justamente porque a cúpula de seu partido se comprometeu a apoiar Simone Tebet. Não faz sentido que justamente a ala que mais combateu Doria defenda agora que o partido lance candidato próprio, traindo suas prévias.

Segundo, e mais importante, porque a decisão de lançar candidato próprio neste momento equivale a enterrar a terceira via. João Doria sairá dessa história como a figura grandiosa que se autoimolou para salvar a terceira via, enquanto que o PSDB sairia como o partido que garantiu que Bolsonaro e Lula estariam no segundo turno.

É emblemático que o esforço para lançar um candidato com o objetivo deliberado de enterrar a terceira via, seja capitaneado por Aécio Neves, que foi flagrado em escândalo de corrupção, defendeu pautas-bombas, apoiou a eleição de Arthur Lira e hoje é próximo ao bolsonarismo.

É também constrangedor que Eduardo Leite hesite em apoiar abertamente Simone Tebet, sugerindo que aceitaria ser o tal candidato. Ora, se o vencedor das prévias renunciou por falta de apoio da cúpula, não é aceitável que o perdedor aceite ser candidato. Se o fizer, ficará desmoralizado.

Outro nome que está sendo ventilado é o de Tasso Jereissati, a figura mais respeitável do PSDB. É virtualmente impossível que ele aceite, primeiro porque nunca quis a indicação, segundo porque participou das negociações com MDB e Cidadania.  Faria mais sentido se anunciasse que aceita a vice-presidência na chama de Tebet.

Tasso e Leite têm o poder de matar no nascedouro a ideia malsã de o PSDB insistir em candidato próprio. Quanto mais cedo o fizerem, melhor para todos.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)