Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Imagem Blog

Reinaldo Azevedo

Por Blog Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura
Continua após publicidade

Vice da CPI dos Sanguessugas vai à Justiça para obter documentos que estão com a PF

“Está mais que evidente que o delegado que comanda as investigações está sonegando informações à CPI dos Sanguessugas, o que caracteriza a sua tentativa de obstruir o nosso trabalho. Por isso, não tenho outra alternativa a não ser recorrer à Justiça Federal“. Quem disse isso foi o vice-presidente da CPI dos Sanguessugas, deputado Raul Jungmann […]

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 31 jul 2020, 23h04 - Publicado em 26 out 2006, 22h18
Está mais que evidente que o delegado que comanda as investigações está sonegando informações à CPI dos Sanguessugas, o que caracteriza a sua tentativa de obstruir o nosso trabalho. Por isso, não tenho outra alternativa a não ser recorrer à Justiça Federal“. Quem disse isso foi o vice-presidente da CPI dos Sanguessugas, deputado Raul Jungmann (PPS-PE), felizmente reeleito. É isso aí. Os Poderes da República são harmônicos, mas são independentes. A CPI não tem poder de punir, mas tem de investigar. E Curado não pode sonegar documentos. Já basta o fato de que, nessa história toda, mocinho está virando bandido, e bandido está virando mocinho. De verdade, de verdade, a única pessoa até agora de fato prejudicada nesse imbróglio todo foi o delegado Edmilson Bruno, que foi quem meteu os bandidos em cana. Isso diz muito de como Márcio Thomaz Bastos conduz o Ministério da Justiça. Por isso eu me lembrei de homenageá-lo com um poema de Gregório de Matos (acima).

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.