Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Imagem Blog

Reinaldo Azevedo

Por Blog Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura
Continua após publicidade

O presidente da OAB quer cassar Temer, mas se omite sobre Joesley

Lamentável a fanfarronice do sr. Cláudio Lamachia, presidente da OAB. A entidade hoje não tem coragem de defender nem o direito de... defesa!

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 23 Maio 2017, 06h41 - Publicado em 23 Maio 2017, 05h51

Vocês lerão no post acima que o Ibradd (Instituto Brasileiro do Direito de Defesa) recorreu ao Supremo contra o pornográfico acordo de delação premiada conduzido por Rodrigo Janot e homologado por Edson Fachin, sob as bênçãos de Cármen Lúcia.

E aqui uma nota de lamento: é claro que não seria a OAB a fazer isso, não é mesmo? Prefere apresentar um ocioso pedido de impeachment do presidente Michel Temer — já há tanto… —, ignorando as múltiplas violências legais de que foi alvo.

Cláudio Lamachia, presidente do Conselho Federal da Ordem, demonstrou orgulho por aquele que seria o segundo impeachment em menos de dois anos… Dizer o quê?

Nesta segunda, optou pelo proselitismo vulgar para, acho eu, tentar disfarçar a pífia atuação da entidade na defesa de direitos fundamentais e, ora vejam, do próprio direito de defesa.

Referindo-se ao fato de que o presidente Michel Temer recebeu Joesley Bastista no Palácio do Jaburu, residência oficial, afirmou, de forma rude, o candidato a tribuno da plebe:

Continua após a publicidade

“Primeiro, o presidente não deveria nem ter recebido (Joesley). Se eu sei que alguém é um delinquente, eu não recebo aqui na OAB. Não vou receber alguém que, sabidamente para mim, é um delinquente e um fanfarrão numa audiência na Ordem, quiçá na minha casa, na minha residência, na garagem, no porão, seja onde for.”

Temer recebia um dos maiores empresários do mundo. E não tem de se comportar como juiz de um processo informal. Voltarei ainda a esse aspecto.

Muito bem! Então o doutor deveria empregar toda essa sua verve condoreira na crítica às ilegalidades de que Temer está sendo vítima e também para lamentar a mamata concedida aos Batistas.

O doutor Lamachia pode não “receber fanfarrões”. Mas, no caso em tela, a gente vê que ele não se opõe a que eles sejam beneficiados, uma vez mais, pelo Poder Público.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.