Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Por Robson Bonin
Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Nicholas Shores e Ramiro Brites. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

Processos disparam

A multiplicação dos empreendimentos imobiliários no Brasil nos últimos cinco anos tem contribuído, e muito, para dar mais trabalho ao Judiciário. Só no Tribunal de Justiça de São Paulo os processos contra construtoras aumentaram 2 600% entre 2008, quando foram abertos 140 processos, e 2013, que acabou com 3 779 ações. O levantamento, feito pelo escritório […]

Por Da Redação
Atualizado em 31 jul 2020, 04h35 - Publicado em 24 jan 2014, 07h21
PDG

PDG: a mais processada por consumidores

A multiplicação dos empreendimentos imobiliários no Brasil nos últimos cinco anos tem contribuído, e muito, para dar mais trabalho ao Judiciário. Só no Tribunal de Justiça de São Paulo os processos contra construtoras aumentaram 2 600% entre 2008, quando foram abertos 140 processos, e 2013, que acabou com 3 779 ações.

O levantamento, feito pelo escritório Tapai Advogados, mostra que atrasos na entrega dos imóveis, na maioria das vezes relacionados à “cláusula de tolerância”, que dava às construtoras 180 dias a mais de prazo para entregar as obras, são as principais queixas dos consumidores. A cláusula foi derrubada pelo TJ-SP em dezembro.

Defeitos de construção, cobrança ilegal de taxas e cláusulas abusivas nos contratos também aparecem entre as razões para as ações judiciais.

As cinco empresas mais acionadas na Justiça pelos consumidores em 2013 foram a PDG, com 966 processos, Tecnisa, com 464, Camargo Corrêa, com 331, Trisul, com 296 e a Rossi, com 262 ações.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.