Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Por Robson Bonin
Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Nicholas Shores e Ramiro Brites. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

Para chefe da EBC, emissoras de TV criminalizam o MST

Hélio Doyle defende que o jornalismo da emissora estatal seja usado para mostrar os fatos positivos do movimento

Por Robson Bonin Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 29 Maio 2023, 14h23 - Publicado em 28 Maio 2023, 18h01

Chefe da EBC, Hélio Doyle entrou na mira da CPI da Câmara por criticar a criminalização do MST.

Ele defendeu, numa entrevista recente, que o jornalismo da emissora estatal seja usado para mostrar os fatos positivos do movimento.

Para Doyle, as emissoras de TV “criminalizam” o movimento por não destacarem, em sua visão, as coisas boas do MST.

Deputados do colegiado devem formalizar requerimentos sobre o tema.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.