Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Bolsonaro cutuca Alexandre de Moraes com vara curta no STF

Presidente voltou a disparar ataques contra ministros do Supremo, inclusive acusando o relator do inquérito das fake news de atuar politicamente na Corte

Por Robson Bonin Atualizado em 13 jan 2022, 19h33 - Publicado em 12 jan 2022, 16h01

Espécie de encarnação do mal para o bolsonarismo, o ministro Alexandre de Moraes mergulhou no fim de ano e queria permanecer distante dos holofotes nesse início de janeiro.

As provocações da ala radical bolsonarista sobre o insucesso do ministro em prender o blogueiro Allan dos Santos nos Estados Unidos, no entanto, atrapalharam esse mergulho de Moraes.

Nesta quarta, para mexer de vez com a fera, Jair Bolsonaro saiu metralhando novamente as paredes do STF ao falar que nunca jogou “fora das quatro linhas” e acusar o ministro de sair dos livros ao investir contra bolsonaristas investigados por fake news.

“Quem esses dois pensam que são? Os dois, nós sabemos, são defensores do Lula”, disse Bolsonaro, referindo-se a Moraes e a Luís Roberto Barroso, outro ministro frequentemente atacado por ele.

Todas as vezes que Bolsonaro atacou Moraes e outros colegas dele na Corte, saiu perdendo. Ganhou pontos com aloprados do bolsonarismo, é verdade, mas saiu politicamente menor.

“A primeira quinzena de janeiro nem acabou e já chegamos novamente na mesma ladainha de 2021. O ano será longo”, diz um ministro do STF sobre a nova investida de Bolsonaro.

Continua após a publicidade

Publicidade