Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar

Por Robson Bonin
Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Nicholas Shores e Ramiro Brites. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

Alvo de perseguição na gestão Bolsonaro, ator da Globo vence na Justiça

Mateus Solano chegou a ter bens bloqueados na Justiça por causa de ação da Receita Federal, mas conseguiu reverter processo

Por Robson Bonin Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 9 Maio 2024, 12h38 - Publicado em 5 abr 2024, 11h01

Demorou, mas Mateus Solano conseguiu vencer a patrulha da Receita Federal iniciada contra ele na gestão de Jair Bolsonaro, revelada pelo Radar em 2020.

A Justiça validou recentemente os ganhos dele como pessoa jurídica e o fisco cancelou a autuação que custaria 10 milhões de reais ao global.

O ator é o primeiro a derrotar o leão. Agora, ele quer liberar os bens dele que foram bloqueados pela Justiça. “Anular as cobranças do restante do elenco é uma questão de tempo”, diz o tributarista Leonardo Antonelli, defensor de Solano e que atua na defesa de outros artistas na mira do fisco.


Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.