Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Imagem Blog

O Som e a Fúria

Por Felipe Branco Cruz Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Pop, rock, jazz, black music ou MPB: tudo o que for notícia no mundo da música está na mira deste blog, para o bem ou para o mal
Continua após publicidade

Madonna no Rio: tudo o que você precisa saber para curtir o show

Saiba os transportes disponíveis e o horário do show; se estiver saiba onde a apresentação será transmitida

Por Felipe Branco Cruz Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 9 Maio 2024, 11h52 - Publicado em 30 abr 2024, 08h30

A tão esperada apresentação de Madonna na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, está chegando. A cantora se apresenta neste sábado, 4, com uma expectativa de levar um público de cerca de 1,5 milhão de pessoas para as areias da praia. O show grátis será único no Brasil e o maior da carreira da artista, que encerrará sua turnê mundial, The Celebration Tour, para celebrar seus 40 anos de carreira. A seguir, respondemos as principais dúvidas dos fãs para poder curtir o show de boa tanto em casa quanto na praia.

Esta será a quarta vez que a cantora se apresenta no Brasil. Ela já havia tocado por aqui em 1993, 2008 e 2012. Madonna ficará hospedada no Copacabana Palace com uma equipe de, pelo menos, 200 pessoas, que ocuparão 90 quartos. Cinco salões do hotel estarão reservados para ensaios. A Polícia Militar do Rio de Janeiro está fazendo rondas nas areias desde já para evitar que fãs acampe nas areias.

Faltando uma semana para o show, a cidade já começa a exibir elementos relativos ao show. Um painel gigante da cantora Madonna na entrada do Túnel Engenheiro Coelho Cintrafaz, que liga os bairros de Copacabana e Botafogo, foi instalado para divulgar o show. O tamanho do painel impressiona – são 72,7 metros de largura com 14,2 metros de altura. A cidade terá ainda 170 vôos extras durante o período de 1 a 06 de maio, de 27 diferentes cidades. Entre 3 e 4 de maio, a Rodoviária Novo Rio tem 30% de horários extras para movimento de ônibus. O bairro de Copacabana já tem mais de 85% de sua capacidade hoteleira ocupada.

Como chegar?

A prefeitura do Rio de Janeiro vai fechar o bairro de Copacabana para carros. A melhor maneira de chegar até lá é por metrô, descendo na estação Siqueira Campos. O transporte funcionará até as 4h da manhã. O governo recomenda que o público antecipe a ida para o show para evitar superlotação a caminho da praia. No retorno, o metrô não descarta a “Operação Tartaruga”, para evitar multidão nas plataformas. O restante das estações ficarão abertas apenas para desembarque.

Haverá ainda ônibus que sairão do Terminal Gentileza até a Avenida Princesa Isabel. Os BRTs também funcionarão, nas linhas 11 (Alvorada-Santa Cruz), 17 (Campo Grande-Santa Cruz), 22 (Alvorada-Jardim Oceânico), 35 (Paulo da Portela-Alvorada), 38 (Galeão-Alvorada), 50 (Jardim Oceânico-Centro Olímpico), 51 (Deodoro-Recreio), 60 (Deodoro-Gentileza) e 80 (Penha-Gentileza).

Continua após a publicidade

Também haverá bolsões de embarque e desembarque na Praia de Botafogo e Ipanema, como já ocorre no Réveillon.

Como será o palco? 

O palco será um dos maiores da carreira da cantora e o maior da turnê. Ele terá 812m², com 24m² de frente e 18m até o teto. O piso ficará a 2,40m do chão para facilitar a visão do público.

Vai chover?

Não há previsão de chuva para o dia do show, porém a data será marcada por uma onda de calor que poderá favorecer pancadas de chuva a tarde. A previsão ainda não é exata e só será mais confiável três dias antes do show.

Que horas será o show?

A apresentação será aberta pelo DJ Diplo, às 20h. O músico já fez parceria com artistas brasileiros como Deize Tigrona, Pabllo Vittar, Anitta e Bonde do Rolê. O Itaú, que está patrocinando o show, avisou que a apresentação de Madonna está programada para começar entre 21h30 e 22h, mas deixou um recadinho que causou arrepios nos fãs: “O horário do show é responsabilidade da artista”. Ou seja, a cantora vai subir no palco quando ela quiser e o banco não tem nada a ver com isso. O show tem previsão de ter duas horas de duração.

Continua após a publicidade

E a segurança? 

Onde há multidão, sempre há o risco de furtos e assaltos. A Polícia Militar do Rio de Janeiro, no entanto, revelou que mobilizará 3,2 mil policiais para o dia do evento, em um esquema semelhante ao do Réveillon. Haverá 18 pontos de revista com detectores de metal. Garrafas de vidro e objetos cortantes são proibidos. Haverá 12 câmeras de reconhecimento facial, 64 viaturas e 4 drones, além de 65 torres de patrulhamento nas areias.

Onde será transmitido? 

A apresentação será transmitida pela TV Globo e para assinantes do Multishow e Globoplay.

Haverá quiosques abertos? 

Sim. Os quiosques da praia ficarão abertos e oferecerão lugares com vista do palco e segurança, com comida e bebida. Muitos deles estão cobrando cerca de 1,1 mil reais pelo ingresso.

Embarcações poderão atracar na praia no dia do show? 

Sim. Para evitar a superlotação de barcos e prevenir acidentes, a Marinha do Brasil implantou um controle de acesso ao mar de Copacabana. Apenas embarcações vistoriadas terão permissão para navegar próximo ao palco.

Continua após a publicidade

Acompanhe notícias e dicas culturais nos blogs a seguir:

Tela Plana para novidades da TV e do streaming
O Som e a Fúria sobre artistas e lançamentos musicais
Em Cartaz traz dicas de filmes no cinema e no streaming
Livros para notícias sobre literatura e mercado editorial

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.