Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Noblat Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Por Coluna
O primeiro blog brasileiro com notícias e comentários diários sobre o que acontece na política. No ar desde 2004. Por Ricardo Noblat. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

A nova coreografia do poder

“Selva”

Por Ricardo Noblat
Atualizado em 30 jul 2020, 20h09 - Publicado em 16 nov 2018, 09h00

Um cidadão, a poucos dias anunciado como futuro ministro do governo do presidente Jair Bolsonaro, levou um susto brutal quando arrumava distraído seus pertences no gabinete reservado para ele no Centro Cultural Banco do Brasil, em Brasília.

De repente, a porta principal se abriu, entraram duas soldadas que lhe prestaram continência em posição de sentido e gritaram a plenos pulmões e a uma só voz: “Selva!”. O cidadão levou alguns segundos para compreender o que se passava.

Faz parte da nova liturgia do poder ser saudado por militares fardados. “Selva” é o grito usado por soldados e majores na Amazônia como forma de cumprimento. Substitui as expressões “Tudo bem” e “OK”. É uma espécie de “estamos às ordens”.

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.