Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Matheus Leitão Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Blog de notícias exclusivas e opinião nas áreas de política, direitos humanos e meio ambiente. Jornalista desde 2000, Matheus Leitão é vencedor de prêmios como Esso e Vladimir Herzog
Continua após publicidade

A operação “Robin Hood” do governo Lula mistura imposto e salário mínimo

Entenda

Por Matheus Leitão Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 2 ago 2023, 14h00 - Publicado em 1 ago 2023, 20h27

Decidiu-se nesta segunda, 31, que a MP das offshores será incorporada à MP do salário mínimo. Serão as MPs 1171 e 1172, juntas.

O que isso quer dizer?

Segundo fontes da coluna, a ideia é taxar os brasileiros mais abastados – tão abastados que fizeram operações para enviar esse dinheiro para fora do Brasil, mantendo esses montantes por lá, sem repatriá-los. 

Esses fundos fora do país, ou offshore, estão livres de taxação. Só que há um movimento internacional para que eles sejam taxados por se aproveitarem de paraísos fiscais. A proposta do governo é passar a cobrar tributos sobre os rendimentos desses fundos de brasileiros. 

A ideia é que o dinheiro arrecadado dos mais ricos ajude a equilibrar as contas públicas brasileiras que terão outros custos, como o de dar aumento real ao salário mínimo que esta hoje em R$ 1.320. Especialmente porque o governo quer dar aumento real todos os anos, incluindo este dado em 2023. 

Continua após a publicidade

Mas respeitando-se a ideia de que aumento de despesa tem que ter também elevação de receita. 

Simbolicamente, juntar os dois temas se transforma numa espécie de “operação Robin Hood” do governo Lula 3. Ou seja, tirar dos ricos, dar para os pobres.

Há outros gastos com a base da pirâmide de contribuintes, como a de corrigir a faixa de isenção de imposto de renda, o que alivia muita gente que está pagando o tributo hoje e que, com a correção, deixaria de pagar. Essa também é uma das metas principais da junção dos projetos.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.