Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Maquiavel Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO

Por José Benedito da Silva
A política e seus bastidores. Com Laísa Dall'Agnol, Victoria Bechara, Bruno Caniato, Valmar Hupsel Filho, Isabella Alonso Panho e Adriana Ferraz. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

Tarcísio, Zema e tucanos vão se encontrar com Lula em Brasília

Inicialmente, governador de SP havia declinado convite; encontro deverá discutir ações que impeçam alastramento de atos terroristas e golpistas nos estados

Por Laísa Dall'Agnol Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 9 jan 2023, 17h03 - Publicado em 9 jan 2023, 14h36

Governadores de todas as regiões do país já se deslocam a Brasília para participar da reunião convocada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva com chefes dos Executivos estaduais. Previsto para as 18h, o encontro terá, dentre outros objetivos, a discussão de ações conjuntas a fim de evitar que atos golpistas e terroristas, articulados por apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro, se alastrem pelo país.

Tarcísio de Freitas (Republicanos), de São Paulo, anunciou na tarde desta segunda-feira, 9, que participará presencialmente do encontro na capital federal. Inicialmente, o ex-ministro da Infraestrutura de Bolsonaro havia afirmado que não participaria devido a outros compromissos no estado.

Romeu Zema (Novo), de Minas Gerais, e os tucanos Raquel Lyra (Pernambuco), Eduardo Leite (Rio Grande do Sul) e Eduardo Riedel (Mato Grosso do Sul) também confirmaram presença. “Como governadores, temos responsabilidade, em nossos estados, de manter a ordem. Nossas polícias estão preparadas para conter qualquer tipo de agressão”, publicou Leite.

Outros governadores que são aliados a Lula já haviam anunciado a ida a Brasília para a reunião, entre eles os governadores do Ceará, Elmano de Freitas (PT), e do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT).

Reforço

O apoio do efetivo policial de outros estados tem sido requisitado a Brasília pelo governo federal para reforçar a segurança das instituições. O ministro da Justiça, Flávio Dino, anunciou na tarde desta segunda que ao menos dez governadores já enviaram forças policiais à capital.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.