Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Maquiavel Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Por José Benedito da Silva
A política e seus bastidores. Com Laísa Dall'Agnol, Victoria Bechara, Bruno Caniato, Valmar Hupsel Filho, Isabella Alonso Panho e Adriana Ferraz. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

O novato do PT que virou o governador mais bem avaliado do Brasil

Levantamentos sobre popularidade foram feitos pelo instituto Paraná Pesquisas entre março e junho

Por José Benedito da Silva
Atualizado em 27 jun 2023, 16h23 - Publicado em 27 jun 2023, 14h22

O professor Rafael Fonteles tinha em sua biografia vários prêmios estudantis de matemática, física e química, um bom currículo acadêmico (é mestre em economia matemática) mas nenhuma experiência política quando foi alçado ao cargo de secretário da Fazenda do Piauí em 2015 pelo então governador Wellington Dias. Sete anos depois, estreou nas urnas como candidato a governador pelo PT e saiu vitorioso ainda no primeiro turno, com 57,2% dos votos válidos.

De quebra, tornou-se o governador mais jovem do país, com 38 anos de idade (o gaúcho Eduardo Leite tem a mesma idade, mas nasceu em março, enquanto Fonteles nasceu em maio de 1985). Rafael é filho de Nazareno Fonteles, que foi deputado federal pelo PT entre 2003 e 2011.

Passados seis meses no cargo, Rafael Fonteles agora tem mais o que ostentar além do bom histórico acadêmico: é o governador com a maior aprovação do país, segundo uma série de levantamentos feitos desde março pelo instituto Paraná Pesquisas.

Na pesquisa divulgada nesta terça-feira, Fonteles tem a sua gestão aprovada por 70,7% dos eleitores da capital Teresina (as pesquisas foram feitas somente nas capitais), o que o coloca numericamente pouco acima do governador do Paraná, Ratinho Jr (PSD), que até então era o governador mais aprovado do país, com 70,0%, segundo pesquisa feita em abril. Vale lembrar que a margem de erro dos levantamentos varia de 3,5 a 3,7 pontos percentuais para mais ou para menos, o que coloca os dois em empate técnico na primeira posição.

Continua após a publicidade
Rafael Fonteles
Rafael Fonteles (à esquerda na foto), com Lula, durante a campanha eleitoral de 2022 no Piauí (Ricardo Stuckert/Divulgação)

De acordo com a pesquisa divulgada hoje, 23,3% dos eleitores de Teresina desaprovam a gestão de Rafael Fonteles, enquanto 6,0% não souberam ou não quiseram opinar. Quando questionados sobre como avaliam o governo, 53,5% o classificam como ótimo ou bom, 27,2% como regular e 17,0% como ruim ou péssimo – 2,2% não souberam ou não quiseram avaliar.

Ranking

Se um petista lidera o ranking até agora dos governos com a maior aprovação, outra liderança do PT aparece em uma posição oposta: a governadora Fátima Bezerra, do Rio Grande do Norte, que está em seu segundo mandato, é a gestora de estado com a menor taxa de aprovação do país: apenas 36,0% aprovam a sua administração (veja quadro abaixo).

Continua após a publicidade

Com a pesquisa feita em junho, ela superou negativamente o governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PL), que até então era o gestor estadual com a pior taxa de aprovação (43,2%, aferida em levantamento feito em março).

Confira abaixo o ranking dos governadores:

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.