Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Nasa detecta asteroide que pode colidir com a Terra em 2200

Por Da Redação Atualizado em 6 Maio 2016, 17h15 - Publicado em 10 ago 2010, 11h42

Ao analisar a órbita do asteroide 1999 RQ36, a Nasa, agência espacial americana, detectou que há uma chance em 1.000 de que o corpo celeste colida com a Terra antes do ano 2200 – mais precisamente, no dia 24 de setembro de 2182. O impacto da colisão seria o equivalente à explosão simultânea de centenas de bombas atômicas. Os cientistas da Nasa já trabalham em um projeto para prever a trajetória do asteroide com maior precisão. Caso o projeto seja aprovado, uma nave sairia da Terra em 2016 para mapear e coletar amostras de rochas do asteroide, que tem 550 metros de diâmetro. O RQ36 foi considerado oficialmente pela Nasa o “asteroide potencialmente perigoso”, já que vai passar a 450.000 quilômetros da Terra. Ao mesmo tempo em que a proximidade da rota facilita o acesso ao corpo celeste – e o trabalho de mapeamento – ela torna o planeta um alvo fácil para o asteroide. Uma cratera de 10 quilômetros de diâmetro seria aberta na superfície da Terra caso houvesse a colisão. O programa de mapeamento do 1999 RQ36 é um dos dois finalistas na corrida por financiamento do governo. O outro se trata de uma missão com destino a Vênus. Os planos dos competidores serão analisados durante dois dias em uma conferência da Nasa em Washington, que começa nesta terça. O resultado, porém, só será divulgado no ano que vem

Publicidade