Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Japoneses criam roupa íntima que absorve cheiro

Peças contêm partículas cerâmicas e metálicas que impedem proliferação de bactérias. Linha foi lançada para pacientes com síndrome do intestino irritável

Por Da Redação Atualizado em 6 Maio 2016, 16h25 - Publicado em 15 nov 2012, 13h46

Roupas íntimas criadas pela empresa japonesa Seiren para absorver e camuflar os odores do corpo se tornaram um sucesso de vendas no Japão. A linha Deoest, lançada após anos de pesquisa, foi criada para pacientes com síndrome do intestino irritável – que, normalmente, têm problemas com gases intestinais.

As peças de roupa são feitas com pequenas partículas cerâmicas e metálicas, que absorvem cheiros e evitam a reprodução de bactérias. Após ter assegurado que as partículas não se desprendiam após a lavagem, a empresa passou a garantir que seus produtos conseguem eliminar 99% do mau cheiro, mesmo em espaços fechados.

Público – As roupas íntimas foram lançadas no último mês de março pela Seiren, que acreditava que seu público estaria restrito aos doentes e hospitais. No entanto, pouco tempo depois a fabricante constatou que as peças eram adquiridas por um público bem mais amplo.

A Seiren decidiu, então, ampliar sua linha de produtos Deoest. Agora, já distribui uma linha com mais de 20 artigos, incluindo meias soquetes que absorvem o cheiro dos pés, camisetas que fazem o mesmo com a transpiração das axilas e até roupa de cama. Todos eles podem ser comprados pela internet e custam entre 36 dólares e 47 dólares.

(Com agência Efe)

Continua após a publicidade
Publicidade