Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Confira os vencedores da 21ª edição do prêmio Ig Nobel

Cerimônia prestigiou as pesquisas científicas mais inusitadas do mundo

Por Da Redação Atualizado em 6 Maio 2016, 16h59 - Publicado em 29 set 2011, 22h33

Besouros que amam (de forma bastante literal) cerveja, os efeitos da bexiga cheia na hora de tomar decisões e a Teoria da Procrastinação Estruturada. São alguns dos estudos laureados na 21ª edição do Ig Nobel, o prêmio que celebra as pesquisas científicas mais estranhas do mundo. O prêmio foi entregue nesta quinta-feira na tradicional cerimônia no teatro Sanders, na Universidade de Harvard, Estados Unidos. Sete dos dez vencedores viajaram a Harvard – custeando a própria viagem – para receber o bem-humorado prêmio.

A premiação, uma mesinha com a tabela periódica (um trocadilho com a palavra em inglês: Periodic Table table) foi entregue por sete vencedores do prêmio Nobel: Dudley Herschbach (química, 1986), Rich Roberts (medicina, 1993), Jack Szostak (medicina, 2009), Roy Glauber (física, 2005), Eric Maskin (economia, 2007), Peter Diamond (economia, 2010) e Louis Ignarro (medicina, 1998). Ignarro protagonizou o concurso “encontro romântico com um laureado”, em que uma pessoa da plateia ganha a chance de sair com o cientista.

Veja a lista de vencedores do Ig Nobel 2011:

Saiba mais

Ig Nobel?

O Ig Nobel é uma tradicional premiação bem-humorada para as pesquisas científicas mais estranhas. O nome é um trocadilho com a mais prestigiada premiação acadêmica, o Nobel. O evento é produzido pela revista americana de humor e ciência Annals of Improbable Research (Anais da Pesquisa Improvável) e copatrocinada pela associação de ficção científica, sociedade de estudantes de física e sociedade de computação, todas da Universidade de Harvard, nos EUA.

Cada vencedor teve 60 segundos para dar o discurso de agradecimento. O tempo foi fiscalizado por uma garotinha de oito anos. Quando alguém estourava o prazo, a menina interrompia bruscamente, aos gritos. Este ano, pouco trabalhou a Miss Sweet Poo, apelido dado à menina. Ela interrompeu a editora Debra Wilkins, que foi receber o prêmio de literatura no lugar de John Perry e o vencedor do prêmio de medicina.

Continua após a publicidade

Uma miniópera sobre café animou a cerimônia, que no final contou com os vencedores do Nobel recitando os elementos da tabela periódica. O mais ovacionado da noite, contudo, foi Artura Zuokas, prefeito de Vilnius, na Lituânia. Ele ficou famoso ao atropelar com um tanque de guerra uma Mercedes estacionada em cima de uma ciclovia de sua cidade. Pelo feito, foi agraciado com o prêmio Ig Nobel da Paz.

William Lipscomb, prêmio Nobel de química de 1976, e frequentador assíduo do Ig Nobel, que morreu no dia 14 de abril deste ano, foi homenageado com um vídeo relembrando suas participações bem-humoradas nas antigas cerimônias.

Ao fim do evento, o mestre de cerimônia, Marc Abrahams, também editor da revista Anais da Pesquisa Improvável, disse solenemente: “Se você não foi premiado com o Ig Nobel dessa vez – e especialmente se foi – boa sorte ano que vem!”

Leia mais:

Veja entrevista com fundador do prêmio

Vencedor do Nobel de Física em 2010 já ganhou o Ig Nobel

Continua após a publicidade

Publicidade