Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Governo eleva impostos para compensar CPMF

Por Jadyr Pavão 2 jan 2008, 17h05

Todas as operações de crédito feitas no país sofrerão, a partir de agora, a incidência de 0,38% da alíquota do IOF (Imposto sobre Operações Financeiras), anunciou nesta quarta-feira o ministro da Fazenda, Guido Mantega. O aumento inclui as operações para pessoa física e jurídica, financiamento imobiliário, seguros e câmbio. A medida faz parte de um plano para compensar a perda da CPMF. O ministro disse que a única coisa que vai mudar é o nome dos impostos – de CPMF para IOF. “O que o governo fez foi trocar seis por meia dúzia”, disse. A cobrança entra em vigor nesta quinta-feira.

Outras medidas estão presentes no pacote anunciado pelo ministro. A CSLL (Contribuição Social sobre o Lucro Líquido), tributo cobrado das empresas nacionais, passará de 9%, para 15% — o aumento deverá entrar em vigor dentro de três meses e será detalhado em uma Medida Provisória. As ampliações do IOF e do CSLL pretendem garantir uma arrecadação de 10 bilhões de reais aos cofres públicos.

Um outro componente do plano é a economia de 20 bilhões de reais que o governo pretende fazer entre os poderes Judiciário, Executivo e Legislativo. O detalhamento deste plano será divulgado em fevereiro. “Todo mundo vai ter que apertar um pouco mais o cinto”, disse o ministro. Unidas, as medidas pretendem arrecadar 30 bilhões de reais – 75% dos 40 bilhões previstos pela cobrança da extinta CPMF.

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês