Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Complexo do Alemão amanhece com três carros incendiados

Moradores creditam as ações a traficantes que resistem à tomada do território pela polícia

Por Da Redação 1 fev 2014, 12h37

Três carros foram encontrados queimados, na manhã deste sábado, no Complexo do Alemão, na Zona Norte do Rio de Janeiro. Os veículos foram deixados ao lado de uma das estações do teleférico da região. Os casos de violência no complexo, que tem uma Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) desde 2012, vêm assustando os moradores e colocando em xeque a eficácia da pacificação. As ações são creditadas a traficantes que resistem à tomada do território pela polícia.

Leia também:

O medo de volta ao Complexo do Alemão

No Alemão, o tráfico resiste e desafia a polícia

Na última sexta-feira, foram lançados coquetéis molotov no terreno onde fica a UPP. Dois carros que pertenciam a um policial militar e a um policial civil foram atingidos e pegaram fogo. Na terça-feira, 28 de janeiro, quando foram registrados tiroteios, a delegacia instalada em dezembro no complexo já havia sido atacada com tiros de fuzil. Instalações da UPP e contêineres da Polícia Militar que funcionam como postos avançados também foram alvejados. Em novembro, um policial que trabalha ali foi morto por traficantes. Em dezembro também foram registrados ataques a tiros a policiais da UPP.

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade