Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘Killing Eve’: obsessão entre protagonistas cria trama subversiva e ácida

Segunda temporada da série estrelada por Sandra Oh chega ao Globoplay em 27 de maio

(Disponível no Globoplay) Eve (Sandra Oh) é uma agente da inteligência britânica que escapa aos estereótipos do ofício na ficção — não é desses personagens que exibem habilidades físicas sobrenaturais e são mestres no uso de armas. Seu trabalho é burocrático, enfadonho, até o dia em que ela percebe a conexão entre uma série de assassinatos — e descobre a mulher responsável pelos crimes: Villanelle (Jodie Comer), uma psicopata sedutora, com apetite por roupas de grife, que comete homicídios extravagantes, patrocinada por uma misteriosa organização chamada Os Doze. Uma obsessão mútua nasce entre elas. A atração psicológica e ambígua, à la John Le Carré, é subvertida por contornos sexuais e um ácido humor britânico. Tais elementos são acentuados na boa segunda temporada, que chega em 27 de maio ao Globoplay, canal que já tem a primeira fase da série.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s