Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
VEJA Recomenda Por Coluna Os principais lançamentos da música, do cinema, da literatura e da produção infanto-juvenil, além da TV, comentados pelo time de VEJA

Com ‘Pennyworth’, DC convence em trama sobre mordomo de Batman

Segunda temporada da série que acompanha a trajetória de Alfred Pennyworth atrai por efeitos especiais e boas atuações; disponível no Starzplay

Por Felipe Branco Cruz Atualizado em 26 fev 2021, 10h50 - Publicado em 26 fev 2021, 07h00

Se nos cinemas a DC não consegue criar um universo tão marcante quanto o da rival Marvel para seus heróis, o desempenho melhora nas séries de TV. Personagens menos óbvios, como Supergirl, Flash, Batwoman e Raio Negro, renderam tramas eficientes. Em sua segunda temporada, Pennyworth dá continuidade à história da juventude do mordomo de Bruce Wayne, Alfred Pennyworth. Ambientada nos anos 60 em uma Inglaterra distópica, onde um grupo fascista ameaça dominar o país, a série apresenta Alfred aos 20 e poucos anos, como ex-soldado do Serviço Aéreo Especial que funda uma empresa de segurança a serviço do jovem bilionário Thomas Wayne, pai de Bruce. O enredo pobre em ousadias é compensado pelos efeitos especiais, que convencem ao mostrar uma Londres sombria e devastada, e pelo modo feliz como Jack Bannon imprime à figura do jovem Alfred uma personalidade marota e, ao mesmo tempo, aristocrática. Dá para entrever ali o futuro braço direito de Batman. Disponível no Starzplay.

Publicidade