VEJA Gente Por Coluna Notícias, bastidores e conversas de quem é assunto na cultura, na política, nos negócios e em outras rodas. Editado por João Batista Jr.

Felipe Sassi, o diretor de clipes de 1 bilhão de visualizações

E ele não quer só ficar nos filmes curtos

Por João Batista Jr. com Roberta Paduan - 3 maio 2019, 07h00

Aos 22 anos, o então aluno de publicidade Felipe Sassi gravou um trabalho de faculdade. O roteiro era baseado na música Bloody Mary, de Lady Gaga. O vídeo viralizou e, então, lhe rendeu uma profissão: Sassi se tornaria um dos mais badalados diretores de clipes do país. “Fui contratado por Iza, Ludmilla e Gloria Groove”, enumera. Seus trabalhos, cujos valores finais variam de 100 000 a 500 000 reais, somam 1,2 bilhão de visualizações no YouTube. E ele não quer ficar só nos filmes curtos. Assinou contrato com a produtora Academia de Filmes para dirigir longas e comerciais.

Publicado em VEJA de 8 de maio de 2019, edição nº 2633

Envie sua mensagem para a seção de cartas de VEJA Qual a sua opinião sobre o tema deste artigo? Se deseja ter seu comentário publicado na edição semanal de VEJA, escreva para veja@abril.com.br
Publicidade