Clique e assine a partir de 9,90/mês
VEJA Gente Por João Batista Jr. Notícias, bastidores e conversas de quem é assunto na cultura, na política, nos negócios e em outras rodas

Camila Coutinho: TED Talks e programa no IGTV

"As pessoas querem conteúdo de qualidade"

Por João Batista Jr. - Atualizado em 22 nov 2019, 10h10 - Publicado em 22 nov 2019, 06h00

Precursora no universo das blogueiras, Camila Coutinho nasceu no mundo digital há treze anos, com o blog Garotas Estúpidas. Foi um sucesso imediato. De lá para cá, realizou campanhas para grifes como Hering e Dior, além de ser convidada a tratar das novas relações no universo virtual. Camila acaba de fazer um TED Talks em inglês, em Palo Alto. Ela falou a VEJA.

O Garotas Estúpidas está reformulado. O que mudou? Moda não é só “look do dia” há muito tempo. A audiência não quer apenas saber de roupa e consumo. Quer conteúdo. Não é brincadeira influenciar as pessoas. Vamos abordar assuntos como tecnologia, diversidade e política. E de fato nos engajar no mercado. Tem influenciadora que não vai às semanas de moda do Brasil, mas vai a Paris. Temos de apoiar quem produz aqui, e há muita gente boa e interessante.

Como foi seu TED Talks? Tinha muito medo de falar em público após travar diante de uma plateia. Numa outra vez em que fui convidada, travei. Tudo mudou quando, em uma ponte aérea, uma executiva me contou sobre um preparador. Ao surgir o convite para o TED Talks, fiz aulas, me dediquei, e deu certo. Sinto orgulho. Não palestrei sobre moda, mas sobre a ousadia de ser inteligente.

Qual seu próximo passo? Vou começar um programa de entrevistas no IGTV, a TV do Instagram. Também estive na China há um mês, para conhecer novas tecnologias, e acabei visitando a sede do Tik Tok. Consegui o domínio com o meu nome e vou estrear nele em breve, me aguardem.

Publicado em VEJA de 27 de novembro de 2019, edição nº 2662

Publicidade