Clique e assine a partir de 9,90/mês
Sensacionalista Por Redação Isento de verdade

Membros da KKK farão pós-graduação com alunos de direito da PUC-Rio

"Temos muito que aprender com os jovens brasileiros", disse o líder da KKK

Por Sensacionalista - 8 jun 2018, 06h00

Os alunos do curso de direito da PUC-Rio que chamaram estudantes negros de universidades públicas de macacos parecem ter grande carreira pela frente. Os estudantes da universidade católica envolvidos no ato foram contratados pelo tradicional grupo americano Ku Klux Klan para dar aulas nos Estados Unidos. “Temos muito que aprender com os jovens brasileiros. As musiquinhas que denigrem sexualmente as cotistas da Uerj têm um ritmo contagiante”, disse o líder da KKK.

Após toda a polêmica, os alunos da PUC se defenderam dizendo que ainda não haviam estudado a Lei Áurea no curso. A próxima sede dos Jogos Jurídicos ainda não foi definida. Está entre Berlim em 1934, o Alabama nos anos 1950 e Johannesburgo na década de 80.

Publicado em VEJA de 13 de junho de 2018, edição nº 2586

Publicidade