Clique e assine com até 92% de desconto
Sensacionalista Por Redação Isento de verdade

De olho em quem não quer vacina, empresário lança o bungee jump sem corda

“É pular de cabeça e pronto. Objetivo alcançado ou seu dinheiro de volta”, diz

Por Sensacionalista Atualizado em 22 out 2020, 15h01 - Publicado em 23 out 2020, 06h00

O mercado é de quem sabe perceber as grandes oportunidades, já disse o publicitário que nunca perde a chance de usar um banheiro público mesmo sem vontade. Nesta semana, o ministro da Saúde anunciou que em janeiro a vacina chinesa, Sinovac, estará desembarcando no Brasil, mas tem gente que já virou a rodela da churrascaria pro lado vermelho e disse “não, obrigado”. Mesmo sem saber se o motivo da recusa é paixão por máscara e álcool 70, religião, veganismo, negacionismo ou só vontade de contrariar a humanidade, um empresário paulistano começou a fabricar um novo produto.

O bungee jump sem corda, ele garante, veio pra ficar. “É pular de cabeça e pronto. Objetivo alcançado ou seu dinheiro de volta”, diz. “Sendo que a coisa mais difícil vai ser eu ter de devolver o dinheiro, né?”, completa, sem conseguir segurar o riso. O primeiro lote será de 100 000 unidades, e o fabricante aposta que será um sucesso no Natal.

Publicado em VEJA de 28 de outubro de 2020, edição nº 2710

Publicidade