Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana
Ricardo Rangel

Crivella, Witzel, Bolsonaro: as escolhas do Rio

Ninguém vota como o carioca.

Por Ricardo Rangel Atualizado em 23 dez 2020, 12h08 - Publicado em 23 dez 2020, 13h03

O prefeito do Rio Marcello Crivella foi preso por causa de um esquema de desvio de dinheiro público.

O governador do Rio Wilson Witzel foi afastado por causa de um esquema de desvio de dinheiro público.

O governador em exercício no Rio, Claudio Castro, está sendo investigado por esquemas de desvio tanto de Witzel como de Crivella.

O senador fluminense e campeão de votos Flavio Bolsonaro está sendo investigado por um esquema de desvio de dinheiro público.

O vereador carioca e campeão de votos Carlos Bolsonaro está sendo investigado por um esquema de desvio de dinheiro público.

Jair Bolsonaro — apoiador de Crivella e Witzel e atual melhor amigo de infância de Castro, pai de Flavio e Carlos, amigo do peito do Queiroz — foi o deputado federal mais votado do estado em 2014 e eleito presidente em 2018 com votação recorde.

Sem falar dos ex-governadores Anthony Garotinho, Rosinha Garotinho, Sergio Cabral e Luiz Fernando Pezão, todos presos por desvio de dinheiro público.

Ninguém no mundo vota como o carioca.

 

Continua após a publicidade
Publicidade