Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

Vejam como Dilma escolhe o alto escalão da República

O único plano de governo de Dilma Rousseff é não cair. Enquanto o país afunda

Por Reinaldo Azevedo - Atualizado em 9 fev 2017, 14h24 - Publicado em 20 jan 2016, 16h18

A presidente Dilma Rousseff indicou a aliados nesta quarta que “não tem pressa” em definir o novo ministro da Secretaria de Aviação Civil. O Planalto ofereceu o cargo ao deputado Mauro Lopes, do PMDB de Minas Gerais, como forma de garantir a manutenção de seu principal aliado na Câmara, o carioca Leonardo Picciani (RJ), na liderança do partido.

Com o acirramento da disputa interna, no entanto, Dilma decidiu que só nomeará o novo ministro depois da eleição de líderes do PMDB, marcada para o dia 17 de fevereiro. Em caso de derrota de Picciani, o governo já trabalha com uma alternativa. Ofereceria a pasta a um aliado próximo do vice-presidente Michel Temer, ensaiando uma reaproximação e devolvendo um posto que anteriormente pertencia à cota pessoal do peemedebista.

Como se nota, o único plano de governo de Dilma Rousseff é não cair. Enquanto o país afunda.

Publicidade