Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

Metroviários em greve decidem manter paralisação

Muito bem! Em assembleia, os metroviários em greve decidiram manter a paralisação iniciada à meia-noite de hoje. À tarde, a reunião de conciliação entre sindicalistas e representantes do Metrô já havia dado com os burros n’água. Às 18h, 22 das 63 estações de metrô continuavam fechadas. As coisas podem ficar bem atrapalhadas na cidade nesta […]

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 31 jul 2020, 03h43 - Publicado em 5 jun 2014, 20h42

Muito bem! Em assembleia, os metroviários em greve decidiram manter a paralisação iniciada à meia-noite de hoje. À tarde, a reunião de conciliação entre sindicalistas e representantes do Metrô já havia dado com os burros n’água. Às 18h, 22 das 63 estações de metrô continuavam fechadas. As coisas podem ficar bem atrapalhadas na cidade nesta sexta, dia em que a Seleção Brasileira enfrenta a da Sérvia, no Morumbi, no último amistoso antes do início da Copa do Mundo.

Também nesta sexta, o MTST, liderado pelo coxinha extremista Guilherme Boulos, promete mais uma manifestação. Esse rapaz, acreditem!, deu ontem um ultimato aos poderes públicos: ou atendem às reivindicações do movimento, ou, diz ele, o movimento vai “radicalizar”. Boulos ameaçou criar, sim, dificuldades para que os torcedores cheguem ao Morumbi. Na semana passada, ele chegou a falar numa “Copa com sangue”. 

Eis aí a loucura que tomou conta de algumas áreas do sindicalismo e dos chamados movimentos sociais. Não é por acaso. Trato do assunto no próximo post.

A Justiça vai julgar às 14h30 desta sexta a legalidade da greve dos metroviários. Se considerar o movimento legal, aí é sinal de que a vaca já foi para o brejo.

Continua após a publicidade
Publicidade