Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

Homem-célula: meu artigo no Globo de hoje

Trecho do meu artigo no Globo deste sábado: “O homem-célula não se submete a nenhum ente de razão. Ele não precisa escrever, por exemplo, que ‘os EUA consideram o Hizbollah um grupo terrorista’, como se fosse esse um juízo de valor. O homem-célula não precisa ouvir o que pensa a Fenaj sobre o projeto que […]

Por Reinaldo Azevedo - Atualizado em 23 fev 2017, 22h05 - Publicado em 22 jul 2006, 04h36

Trecho do meu artigo no Globo deste sábado: “O homem-célula não se submete a nenhum ente de razão. Ele não precisa escrever, por exemplo, que ‘os EUA consideram o Hizbollah um grupo terrorista’, como se fosse esse um juízo de valor. O homem-célula não precisa ouvir o que pensa a Fenaj sobre o projeto que cria um cartório no jornalismo. Sei que choca o que vou escrever, mas vou escrever: o homem-célula é incompatível com a esquerda, mesmo a ‘vegetariana’, preocupada em salvar baleias, o mico-leão-dourado e a ararinha-azul. Ou bem você acredita que um partido porta a forma e o conteúdo do futuro e, então, põe a sua inteligência a serviço dessa construção, ou bem exerce a sua liberdade.” Para ler mais, clique aqui

Publicidade