Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Exército diz que falta verba até para comida e reduz expediente

Na Folha. Volto depois: O Comando do Exército afirmou ontem que a corporação carece de recursos para o pagamento de água, luz, telefone e alimentação e explicou que as medidas restritivas, como a redução do horário de expediente nas segundas e sextas-feiras, são consequências do congelamento de R$ 580 milhões feito pelo governo. “[A] economia […]

Na Folha. Volto depois:
O Comando do Exército afirmou ontem que a corporação carece de recursos para o pagamento de água, luz, telefone e alimentação e explicou que as medidas restritivas, como a redução do horário de expediente nas segundas e sextas-feiras, são consequências do congelamento de R$ 580 milhões feito pelo governo.
“[A] economia nos gastos com água, luz e telefone está prevista para todo o Exército até o dia 30 de outubro do corrente ano, na expectativa de que as gestões do Ministério da Defesa com a Secretária de Orçamento Financeiro gerem o descontingenciamento desses recursos”, afirma nota do Exército.
Ontem começaram a vigorar as medidas que, diz a nota, valem para todos: do taifeiro de segunda-classe até o general de Exército. Na segunda-feira, o expediente vai começar só depois do almoço; na sexta, vai terminar antes dele.
Procurada, a assessoria do Ministério do Planejamento não se manifestou até a conclusão desta edição.
Apesar de recentes investimentos militares do governo Lula terem como alvo a Marinha, que vai adquirir novos submarinos, e a Aeronáutica, que se prepara para renovar sua frota de caças, o Exército é o que, até o momento, mais executou seu orçamento.
Até a semana passada, foram gastos R$ 13,3 bilhões. E o Exército, de longe, é o que tem a maior dotação orçamentária entre as três Forças -R$ 22 bilhões, ante R$ 12,7 bilhões da Marinha e R$ 11,9 bilhões da Aeronáutica -estão incluídos nessas cifras os gastos com pessoal e encargos sociais, maior fatia do bolo.

Comento
A notícia acima é a cara do governo Lula. Na semana passada, o país parecia uma potência que tivesse ido às compras. E Lula ironizava a sua capacidade de movimentar a índústria, como chamarei?, aerobélica mundial. Aquele era o país de propaganda. Como há o PAC de propaganda, o pré-sal de propaganda, o Lula de propaganda…

E há o Brasil real, precisamente este em que o Exército é obrigado a fechar as portas mais cedo porque falta grana até para a comida. Se alguém provocar a gente pra guerra na sexta à tarde, a gente pede pra voltar na terça… Lula quer “cuidar das nossas riquezas” contingenciado R$ 580 milhões do Exército…

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    CB

    Dos ten. para cima até os generais, podiam em seus quintais ou nos quarteis, cavar buracos, pra ver se acha petróleo, ai a Petrobrás vem e paga royalts pra eles comprarem comida e arma.
    vcs sabiam que o exercito é o que mais abocaga verba da União?
    E agora vem falar que não tem comida? –

    Curtir

  2. Comentado por:

    .

    Bom pelo que vejo aqui ninguem tem a minima noção do que é o Exercito Brasileiro.

    Curtir

  3. Comentado por:

    José Macedo

    Que as forças armadas do Brasil vivem numa pindaíba não é novidade para ninguém, equipamentos obsoletos, peças de artilharia que datam da 2ª guerra mundial, caças mirage fabricados na década de 70, fuzil Fal com mais de 30 anos de serviço, peças de fardamento reutilizadas até rasgarem, falta até comida para os soldados. Tudo isso fica evidente quando se compara a qualidade e quantidade de equipamentos das forças armadas americanas. Fazer o que né, votamos em incompetentes e corruptos para nos governar, agora colhemos os frutos.

    Curtir

  4. Comentado por:

    Joao Correia Filho

    Que o exercito tenha lá seus problemas e com eles conviva como bem puder… A verdade é que fica difícil para alguns jovens ter de conviver com o fantasma do irei ou não irei. Exatamente hoje estou dividindo com um filho esse mal momento pois estamos na eminência de vê-lo a título de cumprir um dever cívico, perder um ano de faculdade e se formar em catador de lixo e cortador de grama na casa de algum graduado. Porque outra coisa não vai fazer mesmo a não ser colocar em risco sua integridade. Como já vi, todos aqui já são conhecedores das apertos que os recrutas passam com a falta de logistica presente nos quarteis e com o desconforto de alguns por serem obrigados a uma atividade que não faz parte de sua vocação. Eu não me incomodaria em ter um filho prestando o serviço militar desde que fosse uma opção dele… mas esse meu filho já falou que não vai se apresentar seja la quais sejam as consequencias e a mim cabe apenas contribuir com o devido apoio. Vamos ver como vai ser o final… prometo voltar aqui e contar pra vocês. E dirijo-me respeitosamente ao cidadão que acha que ninguém conhece o exercito para dizer-lhe que com certeza a maioria das pessoas conhecem. Conhecem e muito bem mas isso não é o caso. Simplesmente algo que é bom e maravilhoso para para uns pode não ser para outros.

    Curtir

  5. Comentado por:

    cristina silva

    Mas defender o pais de que ou de quem, se o pais ja esta dominado? E todo mundo comendo chips falsificada, fazendo uso do ingles, mas falando o burrogles. Nao sabem nem pronunciar. Outro dia uma apresentadora no canal Justica, chamava o alligator de /aligator/, literalmente foneticamente se lendo em Porrogues. Nao era mais facil chamar o animal de crocodilo? Sem contar, que as nossas fronteiras e mais vasada que porta de igreja ou terreiro de macumba. Ate terreiro tem ordem para entrar. Me poupem. Alias, se alguem tentar invadir, basta dizer aos aparentes invasores. Bienvenidos Ermanos Gringos. Fui!!!!

    Curtir

  6. Comentado por:

    cristina silva

    Nao esquecam que varios soldados so foram para o exercito aprender a dar tiros mais na tarde nas bocas de fumo. Foram treinados para o trafico; pois quando saem do exercito nao tem profissao alguma ou servem para alguma coisa na sociedade. Nao vinculo. Sao considerados e tratados como restos. Para o que serve um soldado na sociedade civil??? Me diga quantos sairam e ganharam algum emprego decente, com ganho decente em alguma coisa???

    Curtir

  7. Comentado por:

    cristina silva

    A unica coisa boa no Exercito, e aonde o dinheiro nao falta, e o salario dos oficiais de alta patente. Quem ousa negar ate o salario dos aponsentados??

    Curtir

  8. Comentado por:

    brigadista mendonça

    porque não tem dinheiro para alimentação dos militares do exercito,que são teinados para a proteção do brasil,e porque nos presidios tem almoço janta e ate lanches para aqueles que não ajudam em nada.

    Curtir

  9. Comentado por:

    ELIZA

    ISSO É UMA POUCA VERGONHA NOS DIAS ATUAIS , OLHA ATE QUE PONTO CHEGAMOS . Parabéns ao afundadores do nosso brasil .

    Curtir

  10. Comentado por:

    ELINA

    ISSO É UMA POUCA VERGONHA NOS DIAS ATUAIS , OLHA ATE QUE PONTO CHEGAMOS . Parabéns ao afundadores do nosso brasil .

    Curtir