Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

Dilma tem de demitir Jorge Hage se não quiser estimular a bagunça

A afirmação do ministro Jorge Hage, segundo quem o STF facilita a vida de corruptos (ver post abaixo), é absurda por várias razões. Em primeiro lugar, ele é um ministro de Estado e, na sua área, é a voz da presidente. É membro do Executivo. Não lhe cabe fazer esse juízo sem que estimule um […]

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 31 jul 2020, 12h39 - Publicado em 3 mar 2011, 22h57

A afirmação do ministro Jorge Hage, segundo quem o STF facilita a vida de corruptos (ver post abaixo), é absurda por várias razões. Em primeiro lugar, ele é um ministro de Estado e, na sua área, é a voz da presidente. É membro do Executivo. Não lhe cabe fazer esse juízo sem que estimule um conflito entre Poderes. De imediato, registre: Dilma tem de demiti-lo.

Em segundo lugar, pode-se divergir dos votos dos ministros do STF — eu mesmo os debato aqui —, mas devemos entender que eles julgam segundo o que entendem ser a orientação da Constituição. Um ministro do Supremo não pode ignorar a Carta nem que seja com o nobre propósito de “caçar corruptos”. Fazer justiça é diferente de se comportar como justiceiro. Hage parece não saber a diferença entre uma coisa e outra.

Em terceiro lugar, mas não menos grave, Hage se mete a especular sobre o conteúdo do voto de Fux, que, segundo a gente entende, viria para corrigir o de outros, como se fosse  um agente do Executivo plantado no Judiciário. Em suma, sua fala é de rara estupidez.

Jorge Hage quer severidade contra corruptos? Se não me engano, foi a Controladoria Geral da União, pela qual ele é responsável, que não conseguiu encontrar nada de errado na atuação de Erenice Guerra e seus rapazes na Casa Civil… E há mais a dizer.

Continua após a publicidade
Publicidade