Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

A ministra “Ira-ny” também quer censurar a Valéria e a Janete

A ministra Ira-ny Lopes (da tribo das mulheres que dizem “ni”) está se candidatando ao Ministério da Censura. Vejam o que informa Alberto Pereira Jr. no site F5. Volto em seguida. A Secretaria de Políticas para as Mulheres enviou uma carta de apoio ao sindicato dos metroviários de SP, que pediu que a Globo tirasse […]

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 31 jul 2020, 10h33 - Publicado em 6 out 2011, 14h26

A ministra Ira-ny Lopes (da tribo das mulheres que dizem “ni”) está se candidatando ao Ministério da Censura. Vejam o que informa Alberto Pereira Jr. no site F5. Volto em seguida.

A Secretaria de Políticas para as Mulheres enviou uma carta de apoio ao sindicato dos metroviários de SP, que pediu que a Globo tirasse do ar o quadro “Metrô Zorra Brasil”. A mesma pasta, da ministra Iriny Lopes, pediu a suspensão de um comercial em que Gisele Bündchen aparece de lingerie. “Parabenizamos a iniciativa e endossamos a necessidade de ações como esta que visam desconstruir discursos de uma cultura que, até camuflada no humor, perpetua a violência simbólica contra as mulheres”, diz o documento. Os metroviários acusam o “Zorra Total” de incentivar o assédio sexual nos vagões. A Globo diz que o objetivo da atração é o entretenimento.

Voltei
E o tal quadro da “Valéria” e da “Janete”. Segundo a denúncia, com a qual, vê-se, a ministra concorda, ele estimula o assédio às mulheres no metrô. Sabem o que é curioso? OS petistas dispõem de uma rede de televisão e de milhões de reais para pôr no ar a programação de seus sonhos. Aí fazem o quê? Entregam o aparelho para a Tereza Cruvinel e não conseguem sair do traço. A TV Brasil deveria fazer o seu próprio programa humorístico. Um dos quadros poderia ser a promessa de entregar 2,7 milhões de casas até o fim de 2014…

É visível que Ira-ny está desocupada. Deveria pegar carona na vassoura daquela professora que resolveu me assediar com suas boçalidades.

Continua após a publicidade
Publicidade