Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Quando ele fala, Cunha treme

Fernando Baiano depõe hoje na PF em mais uma rodada de sua negociação do acordo de delação premiada. É uma colaboração que tira do sério o PMDB – embora não só peemedebistas tenham a perder com sua delação. Baiano era um personagem com outras conexões também, que surpreenderão muita gente. De qualquer forma, cada vez que […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 00h43 - Publicado em 13 ago 2015, 09h16
Fernando Baiano:  ele fala e Cunha treme

Fernando Baiano: ele fala e Cunha treme

Fernando Baiano depõe hoje na PF em mais uma rodada de sua negociação do acordo de delação premiada.

É uma colaboração que tira do sério o PMDB – embora não só peemedebistas tenham a perder com sua delação. Baiano era um personagem com outras conexões também, que surpreenderão muita gente.

De qualquer forma, cada vez que Baiano abre a boca em Curitiba, Eduardo Cunha treme em Brasília.

Baiano foi transferido do presídio para a sede da PF em Curitiba na semana passada especificamente para fazer esses depoimentos.

O advogado que está cuidando da delação premiada de Baiano é Sergio Rieira, ex-sócio de Nélio Machado, seu defensor até aqui. Machado recusa-se a trabalhar com delação premiada, por isso está largando o cliente.

Continua após a publicidade
Publicidade