Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Pedro Carvalho. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Presidente da CCJ reage às críticas de Bolsonaro: “ele tem que explicar”.

Do PSL, Felipe Francischini diz que partido quer explicações do presidente

Por Evandro Éboli - 8 out 2019, 18h50

O mal-estar causado por Jair Bolsonaro com seus ataques ao PSL e ao presidente da legenda atinge vários setores do partido.

Presidente da CCJ na Câmara, o deputado Felipe Francischini (PSL-PR) reagiu com insatisfação às declarações. O parlamentar é filho do ex-deputado federal Delegado Francischini, um dos primeiros apoiadores da candidatura do capitão.

“O recado da bancada é o seguinte: o presidente Bolsonaro fala as coisas, ele tem que explicar” – disse Francischini ao Radar.

Publicidade