Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Perda de renda divide país sobre isolamento social, mostra pesquisa

Instituto questionou se entrevistados continuariam em casa, mesmo assumindo o impacto econômico na renda da família

Por Robson Bonin Atualizado em 19 mar 2021, 01h38 - Publicado em 22 abr 2020, 06h04

Levantamento nacional divulgado pelo Instituto Paraná Pesquisas nesta terça mostra o país dividido em relação ao isolamento social na pandemia de coronavírus.

No momento em que o país se aproxima da marca das 3.000 mortes na pandemia, o instituto perguntou aos entrevistados se eles “manteriam o isolamento social enquanto for necessário independente da crise ou impacto econômico?”

O isolamento a qualquer preço foi a resposta escolhida por 53,2% dos entrevistados. Já 42,7% disseram que não manteriam o isolamento social, se esse viesse acompanhado de uma crise financeira.

ASSINE VEJA

A perigosa nova direção do governo no combate ao coronavírus, as lições dos recuperados e o corrida por testes. Leia na edição desta semana.
Covid-19: Sem Mandetta, Bolsonaro faz mudança de risco nos planos A perigosa nova direção do governo no combate ao coronavírus, as lições dos recuperados e o corrida por testes. Leia na edição desta semana.
Clique e Assine

O instituto ouviu 2.218 brasileiros, pela internet, nos 26 estados e no Distrito Federal, com margem de erro de 2% para mais ou para menos.

Continua após a publicidade

Publicidade