Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

O método de Bolsonaro para aferir a própria popularidade do seu governo

Especialistas dizem que os próximos 40 dias serão cruciais para determinar o capital político do presidente pós-auxílio de 600 reais

Por Robson Bonin Atualizado em 10 set 2020, 20h26 - Publicado em 12 set 2020, 10h21

Um importante especialista em pesquisa ouvido pelo Radar avalia que só será possível avaliar corretamente a popularidade de Jair Bolsonaro em 40 dias, quando esse período de transição do auxílio emergencial de 600 reais para 300 reais tiver batido no país inteiro.

Bolsonaro, no entanto, tem seus próprios métodos. Recentemente, numa dessas agendas com povão, em São Paulo, explicou a um interlocutor: “Essa aqui é a minha pesquisa eleitoral. Se venho para a rua e não tem xingamento, tá tudo bem”.

Publicidade