Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Estreia adiada

Não está fácil a vida da GfK, empresa alemã que pretende concorrer com o Ibope na medição de audiência das TVs. Chegou a anunciar-se a estreia dos seus serviços no Brasil para maio. Depois, adiaram para julho. Agora, a previsão é que os primeiros números saiam entre setembro e outubro.

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 01h07 - Publicado em 19 jun 2015, 07h32
GfK dificuldades

GfK dificuldades

Não está fácil a vida da GfK, empresa alemã que pretende concorrer com o Ibope na medição de audiência das TVs.

Chegou a anunciar-se a estreia dos seus serviços no Brasil para maio. Depois, adiaram para julho. Agora, a previsão é que os primeiros números saiam entre setembro e outubro.

Publicidade