Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Escolas de samba do Rio anunciam que só entram na avenida com vacina

Pelo menos cinco grandes agremiações do carnaval disseram a jornal que não desfilarão sem a imunidade; Anúncio foi feito após Radar revelar posição da Liesa

Por Mariana Muniz Atualizado em 14 jul 2020, 13h49 - Publicado em 14 jul 2020, 13h39

Na edição de VEJA que está nas bancas, o Radar revela a posição de integrantes da Liesa, a organizadora do desfile na Sapucaí, de só pensar em carnaval depois da descoberta da vacina contra o coronavírus.

Depois da revelação do Radar, cinco grandes escolas do Rio disseram ao jornal O Globo que só desfilarão em 2021 se a vacina contra a doença estiver disponível para garantir a segurança de todos.

ASSINE VEJA

Vacina contra a Covid-19: falta pouco Leia nesta edição: os voluntários brasileiros na linha de frente da corrida pelo imunizante e o discurso negacionista de Bolsonaro após a contaminação
Clique e Assine

Mangueira, Imperatriz Leopoldinense, Vila Isabel, Beija-Flor e São Clemente vão votar juntas pelo adiamento da festa por tempo indeterminado numa reunião que ocorrerá nesta terça na Liesa.

Continua após a publicidade

Publicidade