Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

É o medo

André Vargas segue na sua brincadeira de gato e rato com o Conselho de Ética da Câmara (Leia mais aqui e aqui). Um funcionária do colegiado está em Londrina, tentando localizá-lo. Já esteve em dois endereços, e nada de encontrar o sócio de Alberto Youssef. Vargas, como se vê, lançará mão de toda e qualquer […]

Por Da Redação - Atualizado em 31 jul 2020, 03h53 - Publicado em 9 Maio 2014, 07h02
Fugindo da notificação

Esgueirando-se do inevitável

André Vargas segue na sua brincadeira de gato e rato com o Conselho de Ética da Câmara (Leia mais aqui e aqui). Um funcionária do colegiado está em Londrina, tentando localizá-lo. Já esteve em dois endereços, e nada de encontrar o sócio de Alberto Youssef.

Vargas, como se vê, lançará mão de toda e qualquer estratégia – as mais rasteiras, principalmente – para tentar adiar sua degola política na Câmara. Bem ao seu estilo.

Publicidade