Clique e assine a partir de 8,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Deputado vai processar Bolsonaro por tuíte obsceno

Paulo Teixeira (PT) afirma que Bolsonaro cometeu crime

Por Ernesto Neves - Atualizado em 6 mar 2019, 15h55 - Publicado em 6 mar 2019, 11h57

O deputado Paulo Teixeira (PT-SP) afirmou que vai entrar com representação na Procuradoria-Geral da República contra Jair Bolsonaro por sua postagem pornográfica sobre o Carnaval.

Segundo Teixeira, Bolsonaro cometeu crime ao divulgar a imagem de dois homens em gestos obscenos durante um bloco de carnaval em São Paulo.

“Vamos representar Jair Bolsonaro pelo vídeo que postou. A lei 13.718, recentemente aprovada, tipifica o crime de divulgação, sem o consentimento da vítima, de cena de sexo, nudez ou pornografia”, escreveu.

Continua após a publicidade
Publicidade