Clique e assine com até 92% de desconto
Radar Por Gabriel Mascarenhas (interino) Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Deltan deixou a Lava Jato, mas não se livrou das acusações no CNMP

Procurador é alvo de 20 procedimentos, sendo 12 reclamações disciplinares

Por Evandro Éboli Atualizado em 2 set 2020, 11h40 - Publicado em 2 set 2020, 11h23

O procurador Deltan Dallagnol deixou o comando da Lava Jato, mas não se livrou dos procedimentos que responde na Corregedoria Nacional do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).

No balanço de ontem, há 20 procedimentos abertos contra Deltan.

São 12 reclamações disciplinares, 3 pedidos de providências, 2 recursos em reclamação disciplinar, 1 sindicância, 1 processo administrativo disciplinar e 1 recurso de decisão do colegiado.

ASSINE VEJA

A esperança dos novatos na bolsa Leia nesta edição: a multidão de calouros no mercado de ações, a ‘lista negra’ de Bolsonaro e as fraudes na pandemia
Clique e Assine
Publicidade