Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Assina, Renan?

Cristovam Buarque ligou para Randolfe Rodrigues na sexta-feira convidando o colega para elaborar um documento contendo os compromissos que devem ser assumidos pelo próximo presidente do Senado – no caso, ao que tudo indica, Renan Calheiros, favoritíssimo ao posto. Entre os itens óbvios, como transparência e independência – que historicamente passam longe do Congresso – […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 07h07 - Publicado em 7 jan 2013, 14h29
Cristovam Buarque: anfitrião

Preparando documento

Cristovam Buarque ligou para Randolfe Rodrigues na sexta-feira convidando o colega para elaborar um documento contendo os compromissos que devem ser assumidos pelo próximo presidente do Senado – no caso, ao que tudo indica, Renan Calheiros, favoritíssimo ao posto.

Entre os itens óbvios, como transparência e independência – que historicamente passam longe do Congresso – a dupla quer obrigar o presidente da Casa a apresentar sua declaração de bens quando tomar posse e quando deixar a cadeira. Se Renan vai assinar o documento são outros quinhentos.

Aliás, foi entregue hoje nos gabinetes dos senadores um boletim interno informando que a eleição para a Mesa Diretora vai ocorrer mesmo no dia 1º de fevereiro. Ou seja, foi por água abaixo a intenção dos parlamentares de ganhar mais três dias de folga, realizando o pleito apenas no dia 4.

Continua após a publicidade
Publicidade