Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Albergue de Ipanema compra briga com a família de Tom Jobim

Estabelecimento do Rio inventa história para atrair clientela

A família de Tom Jobim (1927-1994) anda muito chateada.

É que o terreno onde funciona hoje um albergue em Ipanema foi vendido e os atuais locatários resolveram dizer que a casa pertencia ao músico e que Garota de Ipanema foi composta ali para justificar o tombamento do imóvel.

Ao mesmo tempo que fazia a grita para não sair do lugar, cujo contrato de aluguel vence em 2018, a turma pediu R$ 900 mil para deixar o espaço.

Informados, os filhos Paulo e Elizabeth Jobim decidiram registrar uma carta de desmentido (veja abaixo).

“Nunca tivemos nenhum contato com o pessoal do albergue, que nunca nos procurou para fazer homenagens ou pedir informações. Teríamos dito o que todo mundo sabe: o clássico do Tom foi composto no bar Veloso (hoje Garota de Ipanema)”, afirma o maestro Paulo Jobim.

Os dois também afirmam que os espaços de preservação da memória do compositor são os da Rua Nascimento Silva, 107 e do Instituto Antonio Carlos Jobim, no Jardim Botânico.

 (reprodução/Reprodução)

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s