Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

A “Oderbrecht” contrata

A fase da Odebrecht não é mesmo das melhores. Enquanto Marcelo Odebrecht passa uma temporada no presídio por seu envolvimento na Lava-Jato, há quem aproveite o nome da empreiteira para aplicar golpes – outros golpes, que não estão na mira da Lava-Jato, ressalte-se. Alguns engenheiros têm recebido em seus e-mails ofertas de emprego e até […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 00h50 - Publicado em 29 jul 2015, 12h23
Ordebrecht1

O pré-contrato da “Ordebrecht” (clique para ampliar)

A fase da Odebrecht não é mesmo das melhores. Enquanto Marcelo Odebrecht passa uma temporada no presídio por seu envolvimento na Lava-Jato, há quem aproveite o nome da empreiteira para aplicar golpes – outros golpes, que não estão na mira da Lava-Jato, ressalte-se.

Alguns engenheiros têm recebido em seus e-mails ofertas de emprego e até pré-contratos com a construtora.

Um ou outro mais desavisado poderia até acreditar que as propostas de 2 500 euros por semana para trabalhar em Camarões ou Guiné Equatorial seriam verdadeiras, não fosse por um detalhe. O nome da empreiteira está escrito diversas vezes de maneira errada, inclusive no endereço de e-mail “oficial”: se lê ora Oderbrecht e ora Ordebrecht.

ordebrecht

A “Ordebrecht” paga bons salários (clique para ampliar)

Continua após a publicidade
Publicidade