Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

A interminável guerra de chefões na CBF

Del Nero e Ricardo Teixeira se uniram para afastar Rogério Caboclo da presidência, mas já estão rompidos novamente

Por Robson Bonin Atualizado em 16 set 2021, 17h30 - Publicado em 16 set 2021, 17h29

Chefões da CBF de outros tempos, Del Nero e Ricardo Teixeira se uniram para afastar Rogério Caboclo da presidência da CBF, mas já estão rompidos novamente.

Quem acompanha o animado bastidor da entidade diz que a prorrogação do afastamento de Caboclo e as confusões e brigas internas armadas pelo grupo de Del Nero despertaram em Teixeira o desejo de voltar ao jogo.

Del Nero controla a atual diretoria, mas Teixeira tenta arregimentar diretores e vice-presidentes para derrubar o rival.

O presidente interino, Ednaldo Rodrigues, foi emplacado sendo o preferido de Teixeira e é de sua estrita confiança.

Continua após a publicidade
Publicidade