Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Maquiavel Por Coluna A política e seus bastidores. Informações sobre Planalto, Congresso, Justiça e escândalos de corrupção. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Odebrecht trabalha para desvendar lista de apelidos

Os executivos da Odebrecht trabalham para identificar todos os apelidos dados a beneficiários de caixa dois e propina distribuída pela empresa. Em reunião, os funcionários chegaram à conclusão de que uma mesma pessoa tinha mais de um apelido e também há casos de mais de uma pessoa ter a mesma alcunha. As informações são do jornal […]

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2020, 21h43 - Publicado em 28 set 2016, 11h21

Os executivos da Odebrecht trabalham para identificar todos os apelidos dados a beneficiários de caixa dois e propina distribuída pela empresa. Em reunião, os funcionários chegaram à conclusão de que uma mesma pessoa tinha mais de um apelido e também há casos de mais de uma pessoa ter a mesma alcunha. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

LEIA TAMBÉM:
PF prende Palocci em etapa que investiga favorecimento a Lula
Moro decreta bloqueio de até R$ 128 mi de Palocci e investigados

Enquanto tentavam fechar um acordo de colaboração com o Ministério Público Federal, os executivos do grupo perceberam a falta de organização das listas de apelidos que era atualizada por 14 funcionários – cada um cuidava de dar os codinomes. Casa de Doido, Shark, Rasputin, Bolinha, Pavão, Gordo/Magro, Ganso, Barba Negra, Barba Verde, Sasquar, Beija Flor, Dunga, Voador, Cassino e Dat By Day estão entre as alcunhas criadas para identificar possíveis recebedores de propina.

Publicidade