Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Maquiavel Por Coluna A política e seus bastidores. Informações sobre Planalto, Congresso, Justiça e escândalos de corrupção. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

ACM Neto: ‘O governador me escolheu como adversário’

Reeleito com quase 74% dos votos válidos no primeiro turno em Salvador, o prefeito ACM Neto habilitou-se para renovar o comando nacional do DEM e – embora ele não admita em público – virou mais do que candidato ao governo da Bahia em 2018. O governador Rui Costa (PT) polarizou o debate com ACM Neto […]

Por Felipe Frazão Atualizado em 30 jul 2020, 21h40 - Publicado em 3 out 2016, 22h30

acm-neto

Reeleito com quase 74% dos votos válidos no primeiro turno em Salvador, o prefeito ACM Neto habilitou-se para renovar o comando nacional do DEM e – embora ele não admita em público – virou mais do que candidato ao governo da Bahia em 2018. O governador Rui Costa (PT) polarizou o debate com ACM Neto na campanha municipal e se empenhou pessoalmente para alavancar a principal adversária, Alice Portugal (PCdoB). Sem falar no fato de ter estimulado mais duas candidaturas de sua base para tentar minar o prefeito. Neto criticou Rui Costa assim que os resultados saíram das urnas: “Eu não posso deixar de revelar que o governador foi o grande derrotado nesta eleição”. Nesta segunda-feira, ACM Neto voltou a criticar o petista. “O governador foi quem me escolheu como adversário”. Neto fez campanha para aliados em cidades da Região Metropolitana de Salvador e do interior. Mas, quando questionado sobre a disputa antecipada de 2018, saiu-se com a escusa: “Não posso e não vou pensar em eleição agora, 2018 está bem longe”. O prefeito afirmou que está “paz e amor” e que pretende pedir uma audiência de trabalho com Rui Costa. “Pretendo ter um diálogo construtivo e produtivo com o governador.”

Publicidade