Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Isabela Boscov Por Coluna Está sendo lançado, saiu faz tempo? É clássico, é curiosidade? Tanto faz: se passa em alguma tela, está valendo comentar. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Julho Sangrento

Por Isabela Boscov Atualizado em 11 jan 2017, 16h01 - Publicado em 29 jul 2015, 15h00

No Texas dos anos 80, o pai de família Richard (Michael C. Hall, de Dexter) mata um ladrão que invade sua casa. O pessoal da cidadezinha aplaude, e a polícia encerra a investigação como um caso de legítima defesa.

No entanto, o próprio Richard está em choque – tão abalado e cheio de culpa que decide ir ao funeral do ladrão, o qual o pai deste, o ex-presidiário Ben (Sam Shepard), deixa claro que pretende se vingar na medida exata: um filho por um filho. Richard e sua mulher entram em pânico, e o tenente Price (Nick Damici, coautor do excelente roteiro) começa uma caçada a Ben – e aí se inicia também uma série de reviravoltas, ou mais propriamente de transições entre diferentes gêneros, que atestam que o diretor Jim Mickle e seu colaborador Damici são talentos para observar de perto (a dupla, aliás, já havia chamado atenção com o terror Somos o que Somos). A coisa fica ainda mais imprevisível quando Don Johnson entra na história como um sujeito de ligações enigmáticas tanto com o crime como com a lei.

Isabela Boscov
Publicado originalmente na revista VEJA no dia 05/08/2015
Republicado sob autorização de Abril Comunicações S.A
© Abril Comunicações S.A., 2015

Julho Sangrento
(Cold in July)
Estados Unidos/França, 2014
Distribuição: Universal
Publicidade