Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Felipe Moura Brasil Por Blog Análises irreverentes dos fatos essenciais de política e cultura no Brasil e no resto do mundo, com base na regra de Lima Barreto: "Troça e simplesmente troça, para que tudo caia pelo ridículo".

Os palavrões não merecem o PT

Panorama do país roubado em notas e tuitadas: 1) Por meio de Alberto Youssef, o senador Fernando Collor (PTB-AL), recebeu 3 milhões de reais de propina em negócio com a BR Distribuidora, segundo o próprio doleiro, que também envolveu André Esteves, do BTG Pactual, no petrolão. Em 1992, o PT pediu o impeachment de Collor por […]

Por Felipe Moura Brasil Atualizado em 31 jul 2020, 02h01 - Publicado em 28 fev 2015, 06h44

Panorama do país roubado em notas e tuitadas:

Collor-Fiat-Elba1) Por meio de Alberto Youssef, o senador Fernando Collor (PTB-AL), recebeu 3 milhões de reais de propina em negócio com a BR Distribuidora, segundo o próprio doleiro, que também envolveu André Esteves, do BTG Pactual, no petrolão. Em 1992, o PT pediu o impeachment de Collor por causa de um Fiat Elba comprado com dinheiro do esquema de PC Farias. Hoje, com a propina, o senador poderia comprar mais de 100 carros Fiat Elba modelo 1992. Durante o governo do PT, toda roubalheira é pelo menos 100 vezes pior.

2) Discursos de Dilma consistem em atacar FHC e fazer promessas. Ou seja: passado distante e futuro hipotético. Do presente real, nada a dizer.

VEJA fev fim

3) Para ironizar Dilma, FHC se deixou fotografar segurando uma folha de sulfite com os dizeres ‘Foi o FHC’ ao lado de uma nota de R$ 2. O senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB), autor da ideia, publicou a imagem em seu Twiter. O PT se aproveitou da imagem no Facebook para “culpar” FHC pela privatização da Vale do Rio Doce, ocorrida em 1997 (18 anos atrás…). Os internautas reagiram ao cinismo petista na seção de comentários. Na internet, o PT só leva surra.

FHC PT Face meme

* Entenda passo a passo os golpes do PT contra as investigações do Petrolão: 1) ; 2) ; 3) 

4) Se 1 delator disser que o senador Aécio Neves estava de férias no país vizinho quando 1 operador do Petrolão abriu 1 conta na Suíça, PT dirá: participou!

5) Ouço coro na rua: “Olê, olê, olê, olá, Dilmá, Dilmá”. Assusto-me. Vou à janela. Mudam: “Aé, aé, aé, Aeciô”. Adolescentes. Só queriam cantar.

6) Presidente e vice da Camargo Corrêa fecharam acordo de delação premiada no âmbito da Operação Lava Jato. Boas contratações para o time de delatores, agora com 15 no elenco. Mas a torcida pede:

“Olê, olê, olê, olá, Pessô-ô-á…”

7) Propaganda partidária do PMDB na TV: “Não, não são as estrelas que vão me guiar. São as escolhas que vão me levar.” Hummmm. Sei.

8) Michel Temer quer “agenda positiva”: “apuração de irregularidades não pode parar o país”. É o mesmo discurso de Jaques Wagner, do PT. Estrela guiando.

Continua após a publicidade

9) Caminhoneiros: “Nós agora somos anti-PT” (Eliker); “Eles não regulam certo da cabeça” (Schmidt); “Nosso governo federal é ditador” (Denck). Atenção, MAVs. Inspirem-se nos manifestantes. A hora é essa de sair às ruas e exigir do PT melhores salários.

10) Maldita “elite paulista reacionária de direita e olhos azuis” tentando o golpe nas estradas contra o governo popular… Ih não, pera.

11) Governo teme que protesto de caminhoneiros dê combustível ao de 15 de março. Não deveria. Todo mundo sabe que o combustível está muito caro.

12) Dizer que PT nasceu bom e depois se degradou é comparar discurso que o levou ao poder com prática da corrupção. Mas o primeiro apenas servia à segunda.

13) Nunca recomendei a ninguém xingar petistas em público. Acho que os palavrões não merecem.

14) Líder do PSDB na Câmara, Carlos Sampaio impetrou no STF mandado de segurança contra a cota de passagem aérea para cônjuges dos parlamentares. Relator da ação: ministro Teori Zavascki, o fornecedor de passe livre para cônjuge petista de mulher dedo-duro.

15) Polícia do México prendeu “El Profe”, líder do cartel de drogas dos Cavaleiros Templários. No Rio: Playboy, Guarabu e Pitbull seguem soltos.

16) Num dia, a comandante da UPP da Cidade de Deus, no Rio, diz que o tráfico aumentou. No outro, ela é exonerada. Hummmm. Sei.

17) Se existisse cultura no Brasil, o juiz Flávio Roberto de Souza não estaria dirigindo o carro de Eike Batista. Estaria tocando o piano (que deixou na casa do vizinho).

PIano

18) Com 150 janelas abertas (149 de vigarices do PT), meu computador deu aquela travada que demora 1 hora para ser desfeita. Culpa de quem? FHC.

Felipe Moura Brasil ⎯ http://www.veja.com/felipemourabrasil

Siga no Twitter, no Facebook e na Fan Page.

Continua após a publicidade
Publicidade