Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Dora Kramer Por Coluna Coisas da política. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Os extremos piscaram

Por que Lula e Bolsonaro atacam 3ª via, estariam com medo?

Por Dora Kramer Atualizado em 21 jul 2021, 09h48 - Publicado em 21 jul 2021, 09h26

Comprados pelo valor de face, os índices de intenção de votos registrados nas pesquisas deveriam deixar Jair Bolsonaro e Luiz Inácio da Silva tranquilos, pois aparecem muito à frente dos possíveis adversários.

Mas, não. Ambos no mesmo dia (ontem, 20.07) deram-se ao trabalho de atacar as articulações em busca de candidaturas alternativas, desdenhando da possibilidade de uma terceira (quarta ou até quinta) via atrair a atenção do eleitorado.

LEIA TAMBÉM: Chapa Moro-Mourão para 2022 é ventilada em Brasília

Só pode haver uma explicação: localizados nos extremos opostos da polarização político-eleitoral, Lula e Bolsonaro têm prestado atenção ao enorme contingente, também registrado nas pesquisas, que prefere não votar em nenhum dos dois se lhe for dada a oportunidade de outras escolhas.

Daí terem “piscado” em sinal de receio e disposição para tentar matar no nascedouro algo que, pela reação deles, acreditam ter chance de prosperar.

Continua após a publicidade
Publicidade