Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Sem cobertura

“É a gente mesmo que está fazendo, sou engenheiro civil, é uma obra sem muita coisa, não tem telhado, as aberturas são muito grandes, eu vou colocar vidro”. Mauro Barbosa da Silva, um dos servidores do Dnit afastados por envolvimento com a quadrilha do PR, ao explicar por que a casa de 1.300 metros quadrados […]

Por Augusto Nunes Atualizado em 31 jul 2020, 11h25 - Publicado em 8 jul 2011, 00h39

“É a gente mesmo que está fazendo, sou engenheiro civil, é uma obra sem muita coisa, não tem telhado, as aberturas são muito grandes, eu vou colocar vidro”.

Mauro Barbosa da Silva, um dos servidores do Dnit afastados por envolvimento com a quadrilha do PR, ao explicar por que a casa de 1.300 metros quadrados que está construindo no Lago Sul, em Brasília, não custará R$ 4 milhões, como avaliaram corretores, mas R$ 2,1 milhões, garantindo que está construindo sozinho uma casa que nem tem telhado.

Publicidade