Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Seleção de larápios

“Seria uma hipocrisia se tivéssemos tantos funcionários que não pudessem percorrer o Estado e manter contato com nossas bases eleitorais. Esses gastos que aumentam a qualidade dos trabalhos dos deputados doAmapá.” Moisés Souza, presidente da Assembleia Legislativa do Amapá, um dos destaques da seleção estadual que tem brilhado no campeonato brasileiro da corrupção, explicando por […]

Por Augusto Nunes Atualizado em 31 jul 2020, 10h31 - Publicado em 11 out 2011, 04h51

“Seria uma hipocrisia se tivéssemos tantos funcionários que não pudessem percorrer o Estado e manter contato com nossas bases eleitorais. Esses gastos que aumentam a qualidade dos trabalhos dos deputados doAmapá.”

Moisés Souza, presidente da Assembleia Legislativa do Amapá, um dos destaques da seleção estadual que tem brilhado no campeonato brasileiro da corrupção, explicando por que os craques parlamentares recebem uma “verba indenizatória” de R$ 100 mil por mês, sete vezes maior do a embolsada pelos integrantes do timaço do Congresso.

Publicidade